E-sports: a nova forma de se praticar esportes no mundo moderno

Atualizado: 10 de Ago de 2018


O crescimento da internet em todo mundo fez com que as pessoas optassem por um novo tipo de entretenimento: o digital.

Jovens e adultos passam algumas horas de seus dias em frente aos videogames ou computadores se divertindo com o conteúdo de jogos de diversos tipos.

Há alguns anos, tem se difundido a prática dos chamados “E-sports”, ou esportes eletrônicos. Mas, esse tipo de prática é realmente um esporte?

A lei 9.615/1998 instituiu normas gerais da prática de esportes no país, concebendo que a prática desportiva pode ser formal ou informal, uma vez que a formal deve obedecer uma série de critérios determinados para o respectivo esporte.



Há no país uma série de instituições como CBEE e CBDEL que organizam a prática deste novo modelo de esporte.


Voltando à pergunta inicial: e os E-sports?

Obviamente que à época da criação da lei a internet sequer era utilizada no Brasil para fins domésticos ou para entretenimento, logo, os E-sports não foram abrangidos de forma específica.

Entretanto, há no país uma série de instituições como CBEE e CBDEL que organizam a prática deste novo modelo de esporte. Além disso, há uma série de Projetos de Lei que estão tramitando no Congresso Nacional para que esta prática desportiva seja devidamente regulada para que equipes e atletas sejam beneficiados.

Portanto sim, os esportes eletrônicos podem ser considerados como esportes de fato. Prova disso é que estão tomando cada vez mais o espaço dos esportes tradicionais, movimentando cifras incontáveis pelo mundo todo.

13 visualizações

Conjunto Nacional - Avenida Paulista

Bela Vista, São Paulo, SP

+55 11 3979.5042

+55 11 95427.8900

2018. Todos os direitos reservados